Camila Mosca

Barriga da Vez: Camila Mosca

Barriga da Vez: Camila Mosca

 

Hoje, como convidada, uma mulher de personalidade forte, que vai atrás dos seus sonhos e que tem uma capacidade altíssima para realizar coisas. A Camila é produtora e fazer acontecer é realmente o seu lema, já que transforma sonhos e ideias de muita gente em realidade. Ela está muito empolgada com seu mais importante projeto: o bebê que está por vir! Camila revela que mais difícil que produzir um evento, campanha ou peça publicitária é escolher o nome do bebê… (está até apelando para uma tal simpatia do papelzinho molhado… hahaha…). Alto astral, energia, atenção aos detalhes dizem muito sobre ela e sua maneira de encarar a vida e a gestação. Veja só! 🙂

Barriga da Vez: Camila Mosca


O que a gestação representa em sua vida?
Liberdade. Vontade de ser melhor! Mudanças são sempre boas, mas quando soubemos que teríamos um bebê, parece que essa vontade de ser mais, de ser melhor tomou conta da gente, da casa e de toda a família. Quando perguntam se estávamos planejando eu costumo dizer que nunca quis tanto algo que eu não planejava! É incrível como esse sentimento é transformador e libertário. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, que filho prende, eu acredito que te liberta, te amplia!

O que é mais legal em estar grávida?
Pensar que tem dois corações dentro da gente! Isso é tão lindo! Ser uma porta de entrada pra um novo ser. Isso dá uma força tão grande, quase um super-poder! Ver as transformações do corpo, da nossa mente, das pessoas que estão ao redor, parece que todo mundo fica mais feliz ao ver uma grávida.

O que não é legal em estar grávida?
Tenho achado tudo legal! Mas nos dois primeiros meses foram os enjoos, qualquer cheiro mais forte me enjoava. E agora as dores nas costas e azia estão começando a me fazer mudar de ideia sobre tudo ser legal… Mas ao mesmo tempo também te colocam no lugar e te fazem ver que teus limites mudaram, que tu não é mais a mesma, MESMO. 🙂

Barriga da Vez: Camila Mosca

Quando a gente ainda não tem filho, a gente sempre fala que não vai permitir um monte de coisa quando a maternidade chegar. Tem gente que fala que não vai liberar a TV, comida fora de hora etc. O que você acha que nunca vai fazer em relação a seu filho?
Acho que enquanto eu puder controlar o açúcar e alimentos artificiais eu farei! Mas um dia ele vai ter amiguinhos que vão apresentar isso pra ele (ou uma vovó que vai achar lindo ele todo lambuzado de bolo de chocolate), chega uma hora que é meio inevitável.

Existe alguma postura das outras pessoas em relação às grávidas que a incomoda?
Quando perguntam o nome e eu digo que ainda não decidi e me olham torto ou ficam perguntando as opções. Ai gente, essa é a parte mais difícil e uma decisão só do casal! Criar é fácil, quero ver escolher um nome!!! 😛

Dependendo da pessoa, me incomoda um pouco o fato de acharem que a tua barriga é pública! Que é só sair passando a mão! Calma aí, nem te conheço! Mas como sempre é com carinho, a gente acaba relevando.

E às vezes, eu deixo de usar as vagas e filas pra gestante, pra evitar caras feias me olhando. Acho que mesmo sabendo que é uma grávida, as pessoas não admitem uma desvantagem. Acho engraçado e sigo desfilando minha pança por aí.

 

Barriga da Vez: Camila Mosca

 

Conte um fato curioso que aconteceu com você na gravidez.
Como mãe de primeira viagem, eu não sabia que estava grávida até a décima primeira semana. E não sabendo disso, estava fazendo uma dieta louca comendo só proteínas (sendo que eu não como carnes há 7 anos, ou seja, minha proteína era basicamente ovo!) E fazendo aulas ultra-puxadas na academia, perdia 1kg por aula! Estava amando tudo isso. Mas quando chegava em casa da academia eu sempre vomitava. E botei a culpa, no ovo, na água, no café da manhã, nas aulas de step… Aí, parei de tomar café da manhã antes da academia, parei de tomar água entre os treinos e continuava vomitando… Ok, é a proteína que meu organismo não está mais acostumado a digerir, tá causando refluxo, é normal (botando a culpa no ovo, tadinho)! Fiquei uma semana só comendo bolacha de água e sal e água, tudo bem leve. Mas nada parava no estômago.

Até que na noite de Natal eu me ATRAQUEI num pedaço de peito do peru, mas de uma maneira como se estivesse acostumada a comer todo dia! Não me fez nenhum mal! Nadinha. No dia seguinte, iríamos viajar e resolvemos fazer outro teste de farmácia, que dessa vez deu positivo! Liguei pra minha mãe e ela rindo da minha cara disse: eu já sabia, o jeito que tu devorou aquele peru, é bem coisa de grávida! E esse foi o melhor presente surpresa de Natal que eu já ganhei! 😀

Barriga da Vez: Camila Mosca

Alguma superstição para a hora do parto?
Eu imagino que o parto seja a hora mais incrível de toda a gestação! Então minha única superstição é manter a mente tranquila, pro bebê ter sua chegada nesse mundo da melhor forma possível!

Que mundo espera para seu bebê?
Estar grávida te dá uma vontade ainda maior de mudar o mundo. De fazer a tua parte nessa mudança. Acho que ensinar bons valores e respeito pra esse novo ser já ajuda muito!

Maior ansiedade: Ecografias! Toda vez fico mega ansiosa, nem durmo direito pra ver se passa mais rápido. Ver que o feijãozinho virou limãozinho, e agora já tá um melãozinho e daqui a pouco vai estar aqui fora sorrindo pra ti! É muita emoção!

Medo: Não tenho medo de nada, mas um receio se criou após tantos relatos de amigas e pessoas conhecidas sobre a violência obstétrica. Dá um medinho pensar nisso, daí ao invés de ficar pensando, eu fui atrás de mais informações sobre partos humanizados (pro desespero da minha mãe, que já acha que eu vou parir no meio do mato, com umas capivaras cortando meu cordão umbilical :P). Calma, mãe! É seguro!!

Barriga da Vez: Camila Mosca

Barriga da Vez: Camila Mosca



There are no comments

Add yours