Como um álbum de figurinhas pode ensinar empreendedorismo ao seu filho

Álbum de figurinhas pode ensinar empreendedorismo

Quem diria que um inocente álbum de figurinhas traria muitas lições sobre empreendedorismo. Quando passa pela nossa cabeça presentear uma criança com um álbum de figurinhas, na maioria das vezes, a gente só pensa na despesa que gira em torno dessa brincadeira… Ficar refém da banca de revistas, desviar o caminho rotineiro e gastar dinheiro podem não ser, em um primeiro momento, grandes atrativos.

Mas saiba que por trás de um simples álbum de figurinhas, estão muitas lições sobre empreendedorismo. Além de ensinar sobre um tema específico e estimular este aprendizado, sua prática desenvolve algumas habilidades nas crianças que são importantes características de um empreendedor de sucesso. Veja só:

Iniciativa

A criança colecionadora geralmente está em busca constante por oportunidades de negócios, ou seja, de potenciais colegas ou alternativas para se conseguir novas figurinhas. É comum vermos os pequenos atentos aos mais diversos locais e acontecimentos: enxergam de longe aqueles que também possuem o álbum em questão e ficam ligados nas rodinhas do playground, escola, aula de esportes e tudo o mais que acontece à sua volta, para que na primeira oportunidade já inicie a conversa e trocas.

Perseverança

Desistir com facilidade não faz parte do dia a dia de nenhum empreendedor de sucesso. Figurinhas repetidas, com certeza, vão aparecer no caminho e a quantidade de pacotinhos desejados será diferente daqueles conquistados. Lidar com frustrações e seguir em frente é diferencial para quem quer atingir a sua meta. Afinal, a satisfação de se conseguir aquela figurinha tão desejada ou ver o álbum todo preenchido, não tem preço!


Henrique, bem feliz, querendo completar o time brasileiro 😉

Capacidade de planejamento

Ter a visão de onde está, onde se quer chegar e o que é preciso fazer para alcançar. Tudo isso faz com que os pequenos trabalhem com a criação de planos de ação e priorização de demandas. Juntar o dinheiro da mesada, levar as figurinhas repetidas ao inglês, pedir para a vovó uma ajudinha ou até se comportar melhor para conquistarem um pacotinho… Planejando as ações tudo fica mais fácil. E acredite! Esse planejamento se estende aos pais. Existem aqueles que possuem um arquivo em Excel para fazer a gestão dos recursos!

Rede de contatos

Os colecionadores e suas famílias se tornam “experts” em aproveitar e expandir suas redes de contato. Encontros para trocas e eventos são organizados. Com isso, habilidades de relacionamento interpessoal são desenvolvidas e novos contatos são adicionados à rede, proporcionando ótimos momentos e ampliando as possibilidades.

Comunicação e liderança

Saber comunicar e negociar é fundamental. Ter voz ativa e orientar as trocas de figurinhas e não somente a “doação” delas aos amigos faz parte do jogo. Afinal, “amigos, amigos, figurinhas à parte”, não é?

Colaboração e relacionamento

Entender que ninguém vai pra frente sozinho e que precisamos dos outros para alcançar as metas é importante aprendizado. A colaboração acontece entre crianças, seus coleguinhas e também entre adultos. Ajudar e ser ajudado na conquista daquela figurinha brilhante e motivar novas conquistas em grupo pode ser ainda mais incrível!

Comprometimento

Entender que todo resultado é fruto de esforço e dedicação. Brincando com o álbum de figurinhas, crianças e adultos aprendem que o objetivo é importante, mas que o processo também pode ser bem divertido. E assim, a gente segue empreendendo!


Pais e filhos se divertem! Vamos trocar? – Imagem: Henrique e Luciana

Portanto, quando seu filho solicitar aquele álbum mais recente, pense duas vezes…
Quem sabe a gente não se encontra na banca mais próxima?

Beijos, Luciana 😉

 

 

 



There are no comments

Add yours